Bem-vindo -
06/04/2021

Petrobras anuncia R$ 76 milhões destinados ao combate à Covid

De acordo com a estatal, desde 2020 já foram destinados R$ 100 milhões
A Petrobras anunciou a destinação de R$ 76 milhões em recursos para ações voluntárias de combate à pandemia da Covid-19. De acordo com a empresa, parte do montante é proveniente de recursos que a companhia recuperou em um acordo de leniência assinado recentemente. O dinheiro será destinado a ações como a doação de cestas básicas para famílias em situação de extrema pobreza e a compra de usinas de produção de oxigênio para hospitais. Desde o ano passado, a estatal já destinou R$ 100 milhões em ações de combate à pandemia.

Em comunicado, a petroleira informa que 180 mil cestas básicas serão doadas entre os meses de abril e de junho a 60 mil famílias que estejam em condições de vulnerabilidade social. São elegíveis as famílias cadastradas em projetos sociais e ambientais apoiados pela empresa ou que vivam em áreas vizinhas às suas unidades.

 

No caso das usinas, a empresa pretende comprar 12 pequenas unidades de produção de oxigênio que abastecerão hospitais públicos. De acordo com a Petrobras, cada unidade fornecerá gás medicinal suficiente para abastecer 20 leitos de UTI.

Serão beneficiados os estados onde a Petrobras tenha operações; e, dentro deste grupo, terão prioridade os estados que estiverem com taxas mais críticas de contaminação e mortalidade pela Covid-19. Os mesmos critérios serão utilizados pela estatal para doar cilindros de oxigênio.

Em nota, o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, afirma que a empresa considera fundamental aumentar a oferta de oxigênio e alimentar famílias colocadas em situação de vulnerabilidade pela pandemia.

– Não podemos ficar inertes diante do sofrimento imposto pela Covid. Estamos desenvolvendo outras iniciativas, usando recursos que nos foram subtraídos no passado em benefício da sociedade – diz o executivo.

A Petrobras afirma que em 2020, primeiro ano da pandemia, destinou R$ 23 milhões para ações de combate à Covid-19, com a doação de materiais de higiene, testes de detecção da doença, combustível para veículos do sistema de saúde e botijões de gás para famílias vulneráveis. Em fevereiro deste ano, a companhia entrou na iniciativa “Juntos pelo Amazonas”, e doou, com outras empresas, uma usina de oxigênio para Manaus.

Além disso, a estatal destaca a criação de uma frente de pesquisas científicas para identificar soluções no enfrentamento à pandemia. O grupo desenvolveu protótipos de ventiladores pulmonares de custo mais baixo que os convencionais.

*Estadão

Compartilhe!
Deixe seu comentário

Veja
Também

Mais Informa
© Copyright 2019 Mais informa. Informação mais precisa. Todos os direitos reservados.